Ver perfil

Correio Elegante - Zé-Ninguém

Assine o Correio Elegante, minha newsletter semanal. Ela chega todas as sextas-feiras na sua caixa de e-mails. Repasse aos amigos, divulgue. É grátis. Para assinar, clique aqui.
Muitas novidades na lojinha
Original e print disponíveis. Clique aqui.
Zé-Ninguém
Nosso herói é ruim em matemática e uma negação em controle financeiro pessoal. Se fosse nomeado ministro da Economia, afundaria qualquer país em um instante. As baladinhas em Amsterdam secaram seu bolso deixando ele em uma sinuca de bico.
E agora, Adaô? Como vai fazer para sobreviver sem um puto em um lugar onde não conhece ninguém? No Brasil, tudo bem, afinal você tem família e um montão de amigos para segurar a sua barra. Só que em Amsterdam você não passa de um Zé-Ninguém.
Mas não se desespere, você não vai morrer tão rápido. A água da torneira é de graça e o ser humano aguenta semanas sem comer. E ficar de barriga vazia pode ser bom, quem sabe o pneuzinho desaparece. Lembra quando você era macrobiótico e fazia jejum? Depois de um tempo com o estômago vazio, seu corpo se enchia de energia e luz espiritual. Uma experiência e tanto, quase metafísica.
O único problema é a conta do hotel. Ninguém paga estadia com aura luminosa. Tem que ser em cash. Verdinhas, estalando, uma nota sobre a outra.
Mas sempre tem um jeito de levantar uma grana. Que tal fazer caricatura dos turistas? Pensando bem, não vai funcionar. Só sendo muito trouxa para desembolsar uns florins e sair com um desenho tosco como o seu. Além de não ganhar um centavo, você ainda corre o risco de perder os dentes por causa de um cliente esquentadinho que se achou feio na caricatura.
Quem mandou ser vagabundo e não terminar a faculdade de Artes Plásticas, Adaô?
Se tivesse sido um bom aluno, essa hora estaria tranquilo, ganhando uns trocados no mole.
Uma outra possibilidade é virar mendigo. Sentar na calçada, fazer cara de triste e repetir com voz chorosa um bordão como “ajude um cartunista fracassado, com três filhos para criar…”. Infelizmente você morre de medo de que passe algum conhecido do Brasil e reconheça o cartunista amigo do Angeli que era famoso no Brasil e foi para a Europa virar maltrapilho.
Já sei! O Bairro Vermelho é o lugar perfeito para empreendedores como você. O Laerte não elogiou o seu físico? Não disse que você tinha corpinho de bailarino espanhol? Então… chegou a hora de fazer uso desses atributos. Com certeza você faria sucesso em uma das cabines exibindo essa retaguarda gulosa com uma tanguinha fio dental. Venha sambar deitado com o brazuca insaciável!
Não… também não vai rolar. Sabemos que você não tem vocação para isso.
Apesar de sua fama de pervertido, no fundo é um romântico bobo. Sexo tem que ser com amor, nem que seja com um tiquinho só, não é verdade?
Na esquina tem uma agência do banco ABN e é para lá que nosso herói vai, decidido, guiado pelo piloto automático da contravenção. No caminho, coloca a mão dentro do casaco e estende o dedo indicador e o polegar imitando um revólver. Se dá certo nos filmes, vai dar certo na vida real, pensa o jovem perspicaz. Quando aperta o passo para entrar, ouve um estouro. Na pressa não se deu conta de que entre ele e os milhões de dólares havia uma porta de vidro. Tonto por ter quase fraturado o nariz, sua cabeça balança e ele cai para trás. Em seguida alguém estende a mão oferecendo ajuda. É o Noah, seu roommate. O Queequeg, o canibal salvador.
 
Continua.
Paris por um triz
Se você ainda não leu as aventuras de Adaô na Paris dos anos 90, não sabe o que está perdendo. Links para comprar: lojinha do Adão, Zarabatana Books, Itiban e Amazon.
Keith Pop
Originais
Novas artes disponíveis na lojinha. Clique aqui para ver.
Aline Completinha
Graças às gráficas on demand no Brasil, com preços bem mais em conta, você vai finalmente poder completar sua coleção da personagem mais tarada dos quadrinhos. Na Um Livro, na Submarino e na Amazon.
Strip Me + Adão.
Essa parceria já rendeu mais de 70 estampas para camisetas. Para ver a coleção, clique aqui.
No banco de esperma o livro de reclamacões está com as páginas grudadas.
Curtiu essa edição? Sim Não
Adão Iturrusgarai

Correio Elegante

Para cancelar sua inscrição, clique aqui.
Se você recebeu essa newsletter de alguém e curtiu, você pode assinar aqui.
Created with Revue by Twitter.